Join 74,111 users and earn money for participation

Estratégia Cripto à Prova de Bala

2 15 exc boost
Avatar for don_barafranca
Written by   1
2 months ago
Sponsors of don_barafranca
empty
empty
empty

Com a crescente impressão de moeda fiduciária para fazer face aos problemas económicos e sociais dos diversos países ao redor do mundo, obtém-se a diluição do poder de compra. A subida das mercadorias, do valor das casas e dos bens tangíveis tem um nível proporcional à quantidade de moeda que circula numa economia. Desta forma temos perante nós um panorama de inflação que ameaça atingir níveis perigosos para a sobrevivência de todas as famílias.

A maioria das criptomoedas apresenta um modelo de emissão contrário, sendo que no caso da Bitcoin a sua inflação reduz ao longo do tempo. Se alguma vez ouviram a palavra halving, significa isso mesmo, a redução da inflação até zero ou perto. No seu começo, a rede emitia 50 bitcoins a cada 10 minutos, durante um período de cerca de 4 anos. Neste momento emite 6.25 bitcoins a cada 10 minutos e dentro de 3 anos, sensívelmente (2024) emitirá metade, ou seja, 3.125 btc a cada 10 minutos. De facto é um modelo que assenta na redução da inflação.

Claro que existem mecanismos específicos e várias razões para que a moeda fiduciária seja inflacionária, dentre as quais, estimular os consumidores a gastar as suas moedas na economia, adquirindo bens e pagando serviços. Assim os governos 'esperam' menos acumulação de moeda nas contas dos mais ricos e poderosos. Mas tal não acontece como no papel, primeiro porque a inflação real ultrapassa os 2% que são anúnciados pelos bancos centrais, de facto a inflação ronda os 10%, depois porque a taxa de juro é tão ridícula que só faz sentido termos dinheiro a prazo se a quantia for realmente notável.

A Bitcoin e muitas outras criptomoedas que funcionam como dinheiro privado foram criadas como forma de combater este domínio escravizador. A moeda xrp, por exemplo tem um modelo deflacionário pois cada transação realizada na rede, 'queima' uma quantidade pré-determinada reduzindo a sua quantidade. Ou seja a partir de uma quantidade máxima de 100 Biliões é emitido 1 bilião de forma mensal até que toda a quantidade circule no mercado, entretanto as transações 'queimam' parte da moeda.

Estes parágrafos acima ajudam a entender a posição que tenho e que também é apoiada pela percentagem de ROI (retorno do investimento) que se observa nas criptomoedas com modelos semelhantes. De ano para ano, desde há 10 anos, a média de ganhos ronda os 250% anuais face ao dólar. Isto revela que apesar da volatilidade intensa deste mercado, o mesmo tem de ser entendido a médio - longo prazo (5 a 10 anos).

É necessário fazer a própria pesquisa antes de resolver trocar os euros por qualquer ativo digital. A entrada deve ser feita quando há pouco interesse geral e pouca cobertura mediática, ou seja, quando os valores estão baixos como é o caso atual.

A melhor estratégia de acordo com a grande parte dos investidores com mais sucesso, Raoul Pal, Ray Dalio entre outros é simplesmente guardar e esperar, retirando lucros conforme o mercado sobe. Isto fará mais sentido para grandes carteiras, contudo as pequenas quantias podem gerar centenas de euros se aplicadas de forma inteligente.

Digamos que temos 1000 eur e resolvemos comprar 0.5 Ethereum, fazendo hold durante 1 ano. No final desse mesmo ano os 0.5 eth valeriam agora 2000 euros, mas entretanto fomos retirando lucros e terminamos o ano com 1500 euros. Durante a retirada do lucro, o mesmo deve ser aplicado em stake (que corresponde a um depósito que gera juros). Existem muitas opções para se fazer um stake, entre as quais algumas devolvem 10% de juro que poderá ser composto diáriamente. Esse stake poderá ser feito usando uma moeda estável que é menos sujeita à volatilidade (DAI, USDC, USDT, entre outras). Isto porque uma criptomoeda pode apresentar flutuações de 50% ou mais. No caso das stablecoins (moedas estáveis), essa flutuação é insignificante pois o seu objetivo é serem redimiveis 1:1 pela moeda que representam. Por exemplo 1 USDC = 1 USD.

Estratégia à Prova de Bala

Com disciplina e retirando ganhos do mercado de forma consistente, aplicando-os em ativos que gerem rendimentos passivos iremos construir um portfolio com o objetivo de sobreviver aos mercados de baixa, uma vez que geram mais moedas que posteriormente poderão ser vendidas a um preço mais elevado, num mercado de alta, o que nos garante novas entradas no próximo ciclo. Os maiores especialistas de gestão de portfolios, e aqui só menciono portfolios de criptomoedas, têm a opinião que 50% deverá ser em Bitcoin, 25% em Ethereum e o restante dividido em projetos promissores cuja tecnologia tenha, fundamentalmente, um caso de utilização forte e cujas equipas sejam constituídas por elementos reconhecidos ou pelo menos com um background reconhecível. Eu não vou contra esta ideia, mas acrescento que o ideal será um portfolio com 6 a 10 ativos. Apesar da diversificação ser quase uma religião, os ganhos são mais elevados se forem mais concentrados em 1 ou 2 opções, contudo esta solução traz um risco mais elevado.

Alguns desses projetos podem ser consultados no site www.coinmarketcap.com.

Entre os quais:

Algorand, Xrp, Xlm, Zilliqa, Theta, Dag, Chainlink, Cro, Tezos, Solana, Polkadot, BNB, Polygon e Filecoin.

2
$ 0.00
Sponsors of don_barafranca
empty
empty
empty
Avatar for don_barafranca
Written by   1
2 months ago
Enjoyed this article?  Earn Bitcoin Cash by sharing it! Explain
...and you will also help the author collect more tips.

Comments

Todas válidas!

$ 0.00
2 months ago

Há um factor que estoira as economias, para além da injecção de dinheiro. É a própria imprevisibilidade de impressão de dinheiro. Ou seja, mesmo as criptomoedas que são "deflacionárias" por não terem um teto máximo de emissão, elas têm uma taxa fixa de emissão de novas moedas, o que traz alguma estabilidade. Um grande problema das nossas economias convencionais é não sabermos quando vão injectar novo dinheiro na economia, nem quanto. E há outro factor, pelo menos em Portugal, que é a instabilidade fiscal. Ninguém sabe se as taxas de impostos irão ser as mesmas no ano seguinte. Isto não é bom para uma economia. Mas não sou economista! Por gosto pessoal, eu acrescentaria mais algumas coins no fim: BCH, LUNA, COSMOS, BAT, LBC, Nano, SCRT, Dash. Então e ETH e XMR porque não?? :p

$ 0.00
2 months ago